“Forró em Movimento” com a Banda Doctor Vôte

Em 2013, motivado pela boa repercussão de suas apresentações em bares e eventos sociais, o vocalista Amauri Nascimento convidou Athos Thiago, multi-instrumentista e professor de música, para que traduzisse a estética musical que propunha. Athos já o havia acompanhado em outras apresentações ao vivo anteriormente. Em seguida, juntaram-se a eles o baterista Jonas Nascimento e o violoncelista Gabriel Conolly, que já havia feito incursões de violão em momentos iniciais da banda. O grupo ainda conta com o reforço da voz doce e “colorida” de Dani Cabral, vocalista do grupo percussivo Conxitas, além do baixista João Vitorr.

Com influências de base de elementos da música regional (como forró, frevo, maracatu, brega), o grupo mescla ao seu som pitadas de pop, baladas, blues, erudito e do multiculturalismo da música brasileira. A banda Doctor Vôte traz em suas letras reflexos do cotidiano de seu tempo e espaço, além de resgatar e reciclar sucessos consagrados de variados estilos e “costurá-los” de maneira criativa, expressando sua arte através dos vocais expressivos dos vocalistas Amauri e Dani Cabral.

Em dezembro de 2013, deu-se início as gravações do EP de estreia, que seguiram até fevereiro de 2014. Em junho as faixas escolhidas seriam mixadas e masterizadas.

Neste EP de estreia, intitulado “Em Movimento”, 4 faixas foram gravadas e selecionadas para apresentação do som da DV. A faixa que abre o trabalho é um medley da música “You know that I’m no good” de cantora e compositora britânica, falecida em 2013, Amy Winehouse e da clássica “Garçon” do eterno rei Reginaldo Rossi “a ideia era justamente mostrar o diálogo que existe entre essas duas músicas que vêm de tempos, locais, compositores e vozes tão diferentes. Sonoramente e em mensagem, as músicas se encaixam quase que magicamente” diz Amauri. A música ganhou um clipe ao vivo com a participação do percussionista Léo Oroska, das bandas Bonsucesso Samba Clube e Ska Maria Pastora.

A música seguinte foi composta especialmente para banda pelo poeta Wanilson Vate com coautoria de Amauri. Faixa referência ao título do EP, “Movimento” surgiu de um pedido ao poeta e amigo para que ele compusesse uma música que retratasse de maneira poética e espontânea a melancolia urbana, o sentimento estar cercado de pessoas e, no entanto, não nos se envolver nem ser envolvido. Segundo o vocalista, “É uma música de arranjo leve, mas de mensagem crítica e talvez até triste, trazendo, porém, ao final, uma redenção”. Movimento ganhou um clipe dirigido pela cineasta Tauana Uchôa. Foi gravado no Parque das Esculturas de Brennand no Recife Antigo e teve no vídeo registrada a proposta singela e delicada do argumento proposto por Amauri à diretora. 

A faixa 3 é uma regravação da cantora e compositora Adriana B, “Saudade é uma ode a este sentimento”. A música foi incluída a pedido do vocalista e é uma homenagem a sua saudosa avó de criação Maria, carinhosamente citada no final da canção pelo seu apelido, Ia. Ela faleceu dias antes da banda iniciar suas atividades.

A escolha que encerrou o EP é uma releitura de “Anjo Querubim”, sucesso de Petrúcio Amorim. O arranjo de Athos Thiago, responsável por todas as faixas, adotou uma roupagem mais tranquila como uma balada, dando destaque os acordes do violão e do cello. O EP encontra-se gratuitamente disponível no Soundcloudhttps://soundcloud.com/doctor-v-te .

Desde 2014, a banda se apresenta em diversas casas em Recife entre elas o Loft, em Casa Forte. No Café Aujourd’hui, a banda foi residente no ano de 2015. Além de eventos diversos, a banda se apresentou na programação do São João da Prefeitura do Recife com o show “Forró em Movimento” contemplando o repertório tradicional das festas do ciclo junino.

Para ficar por dentro de tudo que acontece com os “votes” e fazer parte desta família curta a fanpage da banda no facebook https://facebook.com/doctorvote e nos siga nas demais redes sociais.

Saudade ( Adriana B. / Gilvandro)


Anjo Querubim (Petrúcio Amorim)

Comentários