Novos discos para Gonzagão

Por: Gabriel Sá / Rosualdo

“Para um coração mesquinho/ Contra a solidão agreste/ Luiz Gonzaga é tiro certo”, cantou Chico Buarque em Paratodos. É que o Rei do Baião, até quando entoava versos tristonhos, alegrava seus ouvintes. Nada melhor, então, que recorrer a ele e a sua música no mês de São João — em que não sobra tempo para desalento. Sua obra tem inspirado homenagens diversas e movimentado o mercado fonográfico.

Uma das iniciativas mais interessantes é a reunião de diversos artistas da nova e da velha guardas em torno de um álbum triplo que revisita 50 peças da obra de Gonzaga — a maioria autoral, mas há também espaço para canções que o Velho Lua, como era conhecido, interpretou. O projeto está sob a batuta do produtor musical paulistano Thiago Marques Luiz e deve chegar às lojas no fim deste mês, pelo selo Lua Music.

“O repertório do Gonzagão é gigante, e daria para fazer um caixa com 10 discos, com músicas maravilhosas”, conta Thiago. “É um trabalho muito diversificado, sem o compromisso de querer agradar a apenas um segmento. Não é um disco de forró — até por que não teria disco de forró melhor que os dele”, acredita. O produtor ouviu cerca de 400 canções para selecionar o material.

A maior surpresa fica por conta de O xote das meninas, parceria de Gonzaga com Zé Dantas. Gravada mais de 500 vezes, segundo Thiago, ela ganha, no disco, interpretação de Elke Maravilha. Os versos da clássica Asa Branca foram divididos entre os ícones nordestinos Dominguinhos, Geraldo Azevedo, Ednardo, Amelinha e Anastácia. Participam também Fafá de Belém, Zeca Baleiro, Gaby Amarantos, Chico César e Wanderléa, para citar alguns. As gravações são todas inéditas.

A cantora natalense Marina Elali é neta de Zé Dantas, um dos maiores parceiros do mestre nascido em Exu. Juntos, fizeram pelo menos 50 canções — um número impressionante, tendo em vista que Dantas morreu aos 41 anos de idade. Marina pinçou algumas delas para gravar um CD e um DVD a serem lançados no segundo semestre, pela Som Livre. “Foi uma parceria de grande sucesso, que nos mostra que a boa música nunca morre”, acredita.

O xote das meninas, por exemplo, é deles. Sabiá, Cintura fina, Riacho do navio e A volta da asa branca também. Todas estarão no disco, que trará a participação artistas como Gilberto Gil, Lenine, Ivete Sangalo, Seu Jorge, Elba Ramalho e Dominguinhos.

Tributos


Outros quatro artistas da região resolveram prestar tributos a seu mestre maior: os pernambucanos Targino Gondim, Jorge de Altinho e Onildo Almeida e o cearense Alcymar Monteiro. Onildo teve a honra de ter algumas de suas composições gravadas pelo Velho Lua, entre elas A feira de Caruaru. Em maio passado, ele colocou nas ruas o CD Luiz Gonzaga canta Onildo Almeida. E também é responsável pela coletânea Capital do Forró volume 10, em que cantam artistas diversos, dentre eles Dominguinhos e Elba Ramalho.

Gondim já havia lançado um álbum em homenagem a Gonzagão em 2009. Agora, chega às lojas o Canções de Luiz volume 2. Altinho disponibilizou em seu site (www.jorgedealtinho.com.br) o download de 100 anos de Gonzagão. No trabalho, está a parceria de 1978 dele com o mestre, Mané Gambá. Já Alcymar comanda o Concerto para Gonzaga, um projeto com a Orquestra Criança Cidadã, que será gravado em CD e DVD.

Comentários